Olá visitante! Efetue seu Login ou Cadastre-se
0
BLOG

Conheça 5 Chás Riquíssimos em Propriedades e Passe a Fazer o Uso Deles [AGORA MESMO]

Conheça 5 Chás Riquíssimos em Propriedades e Passe a Fazer o Uso Deles [AGORA MESMO]

Você tem o costume de fazer o uso de chás em sua rotina? Seja para se esquentar no friozinho do inverno, para refrescar no calorzão do verão, para curar alguma doença de forma natural, ou até mesmo pelo simples fato de apreciar o sabor desse presente que a mãe natureza nos deu.

No Brasil, não é muito comum o uso de chás, porém, você sabia que o uso dos chás é de extrema importância?

Sabia que existem chás que curam mais do que muitos medicamentos? Sabia, inclusive, que já faleceram pessoas com uso inadequado de chás? Não sabia? Pois é!

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, por se tratar de um “medicamento natural”, alguns chás, podem nos trazer diversos efeitos colaterais, principalmente os denominados pela ANVISA como “ervas medicinais”, se não ingeridos com cautela.

Tais efeitos se resumem em intoxicações, enjoos, irritações, edemas (inchaços) e até a morte (como citado acima), como qualquer outro medicamento.

Uma nota de rodapé muito importante sobre os chás, é que existem inúmeros profissionais da saúde que não dão credibilidade e não acreditam nos benefícios dos chás, sem saber, ou até mesmo sem acreditar nas centenas de benefícios que muitas ervas apresentam.

Nós, brasileiros, no geral, não damos muita importância aos chás, diferentemente do que acontece no Japão, na Coréia, na China, e em alguns outros países do continente asiático, que é ensinado nas próprias Universidades de Medicina o consumo dos chás.

Podemos observar a assertiva anterior, observando o comportamento rotineiro dos asiáticos, quer ver?

Você já reparou que, em diversos restaurantes que servem/vendem comida japonesa, chinesa, asiática no geral, sempre existe uma garrafa de chá? Nunca reparou? Comece a prestar mais atenção a partir de agora.

Os chás não só fazem parte da rotina dos asiáticos, como também possuem simbologia e significado no comportamento social e espiritual deles.

O chá é tão importante para os japoneses, que existe até uma cerimônia, denominada de “Cerimônia do chá”, conhecida por eles como “Chanoyu”, desde o século IX, originária na China.

Nessa cerimônia, os participantes se servem com o “matchá”, um chá verde pulverizado. Essa ceromônia busca a purificação da alma, o equilíbrio e a serenidade.

Pensando nisso, apontaremos para vocês 5 chás que fará um verdadeiro milagre em seu organismo, se consumido da maneira correta, de acordo com a recomendação do seu médico ou nutricionista.

 

QUAIS CHÁS VAMOS FALAR?

   

Importante destacar que o consumo dos chás, aliados à alimentação saudável e a prática de exercícios físicos, lhe trará uma vida completa, com saúde, da juventude à senilidade.

 

CHÁ DE GENGIBRE

  Chá de Gengibre

Imagem: M de Mulher

 

Você conhece o gengibre? O Gengibre (nome científico: zingiber officinale roscoe) é uma raiz de origem asiática, muito utilizada pelos orientais em tratamentos medicinais, além também de ser muito utilizada no preparo de pratos típicos.

 

BENEFÍCIOS DO GENGIBRE

 

O gengibre é eficaz contra tosses, resfriados e gripes, além de ajudar a melhorar a rouquidão. Ele possui propriedades expectorantes.

É um ótimo antioxidante utilizado para combater os radicais livres (que em excesso causam o envelhecimento precoce). O gengibre é um estimulante gastrointestinal, ajudando na digestão. Possui propriedades anti-inflamatórias que ajudam a prevenir inflamações como a da garganta.

Ajuda a diminuir ânsias e vômitos, também ajuda a controlar o colesterol. Auxilia no tratamento de pessoas que sofrem de artrite e problemas reumáticos.

Segundo estudos realizados, o gengibre possui eficácia no trato de cólicas menstruais.

Na culinária japonesa, o gengibre é utilizado entre um prato e outro para limpar o paladar.

Possui também propriedades termogênicas, que atuam ajudando a emagrecer, além de possuir propriedades diuréticas, auxiliando na perda do liquido retido, desta forma, ajuda a diminuir o aspecto da celulite, e a evitar que novas apareçam.

O gengibre também possui ação antifúngica, muitas pessoas comentam que conseguiram se livrar de infecções fúngicas como a micose. Além de fornecer diversos outros benefícios ao organismo.

Todos esses benefícios, principalmente o efeito termogênico, que auxilia o processo de emagrecimento, funcionarão melhor se aliados a uma rotina de exercícios físicos e alimentação balanceada.

 

MODO DE PREPARO DO CHÁ DE GENGIBRE

 

O chá de gengibre é feito a partir da infusão de pedaços de gengibre.

Importante não deixar a raiz do gengibre ferver, para não perder suas principais propriedades.

Para fazer o seu chá, você precisará lavar bem a raiz do gengibre. Após, rale ou corte uma raiz em pedaços pequenos. Enquanto isso, ferva 200ml de água. Após levantar fervura, abaixe totalmente o fogo e adicione o gengibre. Deixe em infusão de 5 a 10 minutos. Feito isso, coe e sirva.

 

COMO TOMAR CHÁ DE GENGIBRE E QUAL A QUANTIDADE DIÁRIA RECOMENDADA?

 

O gengibre pode ser ingerido puro ou misturado com diversos outros alimentos, como por exemplo o cravo, a canela, a maçã, a camomila, o goji berry, o limão, até mesmo com cascas de abacaxi e laranja.

Pode ser ingerido quente ou até mesmo gelado, para refrescar o calorzão. Fica uma delícia!

O Dr. Dayan Siebra, indica o uso do gengibre até mesmo em águas saborizadas, para serem consumidas no decorrer do dia.

Dica do Dr. Dayan: Encha uma garrafa com agua, coloque lascas de gengibre, limão e algumas “folhinhas” de anis estrelado. Importante trocar o gengibre de 3 em 3 horas, para não perder o gosto e suas propriedades. Faz bem para a saúde, além de ser uma delícia!!!

Estudos apontam que a quantidade recomendada, para que você goze dos benefícios acima citados, são de 2 a 4 gramas por dia, contudo, recomendamos que você consulte seu médico ou nutricionista antes de seu consumo.

 

CONTRAINDICAÇÕES AO USO DO CHÁ DE GENGIBRE

 

O gengibre é contraindicado para gestantes, pessoas portadoras de diabetes, hipertensão e hipertireoidismo. Também é contraindicado para pessoas que fazem o uso de anticoagulantes. Assim, caso você esteja enquadrado nas hipóteses acima, recomendamos que você converse com seu médico antes de consumir o gengibre.

 

CHÁ DE HORTELÃ

  Chá de Hortelã

Imagem: Tudo Ela

 

O Hortelã (nome científico: mentha crispa) é uma planta medicinal e aromática, muito utilizada para fazer remédios naturais e tratar diversos problemas. O seu nome cientifico é Mentha crispa sendo conhecida também como menta. Pode ser utilizada para fazer chás e tinturas.

Podem ser compradas na forma de cápsulas com óleo ou extrato seco da planta ou na forma de óleos essenciais para a pele.

É largamente utilizada na indústria farmacêutica na elaboração de remédios, cápsulas ou xaropes. Também muito utilizada na indústria alimentícia, aromatizando alimentos, doces, bebidas e chás. E por fim, na culinária como tempero e aromatizante de uma infinidade de pratos, e misturado a sucos, como o famoso suco de abacaxi com hortelã.

 

BENEFÍCIOS DA HORTELÃ

 

A hortelã, como falado anteriormente, é muito utilizado nas industrias farmacêuticas para elaboração de medicamentos, por trazer diversos benefícios ao nosso organismo. Dessa forma, citaremos abaixo alguns de seus diversos benefícios:

É eficaz no tratamento digestivo quais são: problemas estomacais como má digestão, náuseas, enjoos e vômitos. Melhora a esofagite, a gastrite, pangastrite, azia, intestino preso, gases (a famosa barriga tambor). Combate a resfriados e gripes, além de ajudar no tratamento de tosses e dores de garganta.

É muito bom para a digestão de alimentos gordurosos, como carnes, frituras e chocolates. Também age acalmando as dores de cólicas menstruais.

Auxilia em casos de vesícula preguiçosa, além de ser super eficaz no tratamento do hálito, eliminando o famoso “bafo de onça”. Já reparou que grande parte das balas e gomas de mascar (chicletes) possuem sabor de hortelã ou menta?

Uma dúvida rotineira de grande parte das mulheres (e também de alguns homens) está na sua ação de emagrecimento. A hortelã ajuda a emagrecer?

Diferentemente dos outros chás, como hibisco e a cavalinha, as principais funções do chá de hortelã não estão no emagrecimento. Contudo, podemos dizer que de certa forma, a hortelã ajuda sim nesse processo, por conter fibras, que faz com que as pessoas se sintam mais saciadas e tenham mais controle sobre o seu apetite.

Fazendo com que as porções das refeições sejam diminuídas, diminuindo consequentemente as calorias, que a médio e longo prazo, atuarão na diminuição do peso.

Importante destacar que esses efeitos só serão facilmente perceptíveis, se aliados a boa alimentação e a pratica de exercícios físicos.

 

COMO PREPARAR CHÁ DE HORTELÃ?

 

Adicione 500ml de água ao fogo. Após levantar fervura, coloque 1 xícara de chá de folhas secas de hortelã. Feito isso, desligue o fogo e deixe agir em infusão por cerca de 5 a 10 minutos. Para finalizar, coe o chá com uma pequena peneira, sirva-se e aproveite essa delicia da natureza.

 

CONTRAINDICAÇÕES AO USO DO CHÁ DE HORTELÃ

 

Por ser uma planta natural, a hortelã quase não contém contraindicações, contudo, alguns profissionais de saúde contraindicam o seu uso à mulheres gestantes ou em período de amamentação, além de crianças menores de 5 anos, pacientes com refluxo ou hérnia de hiato.

 

CHÁ DE HIBISCO

  Chá de Hibisco

Imagem: Vix

 

O Hibisco (nome científico: Hibiscus) é uma flor de cor avermelhada, de origem Africana e Asiática. Veio para o Brasil e virou queridinho entre os brasileiros, principalmente entre as mulheres. Essa florzinha seca é transformada em chá.

 

BENEFÍCIOS DO CHÁ DE HIBISCO

 

Além de possuir um sabor diferenciado e uma linda cor, o hibisco fornece inúmeros benefícios ao nosso organismo, abaixo citaremos alguns:

O chá de hibisco é indicado principalmente no tratamento coadjuvante da obesidade. Ele ajuda no emagrecimento, na redução da gordura localizada e na redução da celulite, se aliado a dietas e a rotina de exercícios físicos.

Ele possui um antioxidante poderoso chamado antocianina, que ajuda muito no anticâncer e no antienvelhecimento.

O chá também é muito bom para o controle da diabetes e controle das gorduras sanguíneas, ou seja, as dislipidemias, as alterações de colesterol.

O chá de hibisco previne/ reduz as chances de doenças degenerativas do sistema nervoso central e periférico, ou seja, alterações de nervos periféricos, neuropatia diabética, Alzheimer, entre outras.

Dentro do chá de hibisco existe o flavonoide, chamado quercetina, uma substância que ajuda em muita coisa, como na retenção de liquido, controle da diabetes, no controle das dislipidemias.

O Hibisco ganha o primeiro lugar como emagrecedor, na retenção de líquido, na esteatose hepática (mais conhecida como gordura no fígado), é anti-inflamatório, antioxidante, portanto também é bom contra o envelhecimento.

 

COMO PREPARAR O CHÁ DE HIBISCO?

 

Adicione 1l de água ao fogo. Após levantar fervura, coloque 2 colheres de sopa cheias de hibisco. Em seguida, desligue o fogo e deixe agir em infusão por cerca de 5 a 10 minutos. Coe o chá com uma pequena peneira, sirva-se e aproveite esse maravilhoso chá.

Uma dica, o hibisco fica maravilhoso de batido com frutas e consumido gelado, experimente!

 

CONTRAINDICAÇÕES AO USO DO CHÁ DE HIBISCO

 

Como todo medicamento (ainda que natural), o hibisco é contraindicado para gestantes e lactantes, além de pessoas que sofrem com problemas de pressão alta (hipertensão) e baixa (hipotensão).

 

CHÁ DE CAVALINHA

  Chá de Cavalinha

Imagem: Mundo Boa Forma

 

A cavalinha (nome científico: Equisetum arvense) é uma planta medicinal, usada como remédio fitoterápico para vários problemas de saúde. Seus benefícios são variados, pois, ela possui uma grande quantidade de nutrientes essenciais ao nosso organismo, como o silício, cálcio, vitamina C, magnésio, fósforo, potássio, ferro, sódio.

Além disso, a cavalinha é um excelente remédio caseiro, que ajuda o organismo a combater diversos problemas, isto porque suas folhas possuem propriedades diuréticas que ajudam a eliminar os microrganismos presentes em nosso corpo.

 

BENEFÍCIOS DO CHÁ DE CAVALINHA

 

Os benefícios da cavalinha são diversos, abaixo citaremos seus principais benefícios:

Como já citado, a cavalinha possui um poder diurético muito forte para quem tem muita retenção de liquido, ela estimula o funcionamento dos rins.

Possui propriedades anti-inflamatórias, adstringentes, desintoxicaste, revitalizante. A cavalinha ainda possui propriedades que ajudam a acelerar o metabolismo, ajudando consequentemente no processo de emagrecimento, pois, o aumento do metabolismo mais a ação diurética da cavalinha, favorece a perda de peso.

A cavalinha possui também, propriedades terapêuticas que ajudam a controlar o acido úrico, ajuda no tratamento da anemia, controla a pressão arterial, ajuda a tratar a osteoporose. Possui uma ação anti-inflamatória que ajuda a combater o reumatismo.

Na estética, a cavalinha ainda ajuda a reduzir a celulite, ajuda a melhorar a elasticidade da pele, melhora a flacidez, fortalece unhas e cabelos.

 

MODO DE PREPARO DO CHÁ DE CAVALINHA

 

Leve 500ml de água ao fogo. Após levantar fervura, adicione 2 colheres de sopa de erva de cavalinha. Deixe ferver por aproximadamente dois minutos. Após, desligue o fogo e deixe em infusão por aproximadamente 5 minutos. Para finalizar, coe, sirva-se e aproveite esse delicioso chá.

 

CONTRAINDICAÇÕES AO USO DO CHÁ DE CAVALINHA

 

O chá de cavalinha é contraindicado para gestantes ou lactantes, pessoas portadoras de diabetes, disritmias cardíacas, problemas renais e pressão baixa (hipotensão). Também é contraindicado para bebês e crianças pequenas. Desta forma, caso você esteja enquadrado nas hipóteses acima, recomendamos que você converse com seu médico antes de consumir a cavalinha.

 

CHÁ DE ANIS ESTRELADO

  Chá de Anis Estrelado

Imagem: Teinfusion

 

O Anis estrelado (nome científico: Illicium verum) ou estrela de anis, é uma planta originária da China ou do Vietnã, embora seja consumida em todo o mundo. Como o próprio nome diz, é semelhante a uma estrela e possui uma textura muito semelhante à de madeira. Possui um aroma idêntico a do anis, porque contém o mesmo óleo, embora seja um pouco mais forte.

É considerado uma especiaria de uso culinário e medicinal.

O anis estrelado, é extraído de uma árvore de grande porte, podendo alcançar até 18 metros de altura.

A base do anis estrelado possui uma forma de estrela irregular com 8 pontas, medindo cerca de 3 cm de lado a lado, suas pontas são duras, além de possuir cor de ferrugem.

As vagens do anis estrelado têm forma de canoa e abrigam uma semente frágil e lustrosa. As vagens, porém, são mais aromáticas do que as próprias sementes.

 

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS DO ANIS ESTRELADO

 

Além de possuir aroma e sabor muito agradável, e por seu chá proporciona um efeito muito calmante, também é conhecido por conter propriedades antissépticas, anti-inflamatórias, antidigestivas e diuréticas.

O anis é rico em carboidratos, proteínas, fibras, vitamina A e C, minerais como o ferro, magnésio, cobre e cálcio, além de possuir gordura saudável, na forma de ácido gordo, monoinsaturado e ácido gordo poli-insaturado e tem baixa quantidade de gordura saturada.

Além de todas as propriedades acima descritas, o anis auxilia no processo digestório, combate problemas respiratórios, auxilia na produção do leite das mamães, tem super eficácia para combater problemas menstruais e possui inúmeros outros benefícios.

 

MODO DE PREPARO DO CHÁ DE ANIS ESTRELADO

 

Leve 500ml de água ao fogo. Após levantar fervura, adicione 1 colher de sopa de anis estrelado. Desligue o fogo e deixe em infusão de 5 a 10 minutos. Para finalizar, coe, sirva-se e aproveite!

Por conter inúmeros benefícios para a saúde, além de possuir um delicioso odor e sabor, muitas pessoas consumam fazer agua saborizada com o anis. É só pegar 500 ml de agua gelada, colocar cerca de 3/5 estrelinhas de anis e tomar no decorrer do dia. É gostoso, faz bem e refresca.

 

CONTRAINDICAÇÕES E EFEITOS COLATERAIS DO ANIS ESTRELADO

 

O uso do chá de anis é contraindicado para mulheres gestantes ou em fase de amamentação. Também é contraindicado por pessoas com hiperestrogenismo, além de bebês e crianças com menos de 10 anos de idade.

 

CONCLUSÃO

 

Os chás, principalmente os denominados pela ANVISA como ervas medicinais, assim como qualquer medicamento, possuem princípios ativos que agem no nosso organismo com maior ou menor eficácia.

Esses princípios ativos podem se comunicar com as patologias de base, as doenças de base que uma pessoa tenha, os remédios que ela faça uso, ou até mesmo o uso dos chás de forma exagerada por tempo exagerado, podem afetar o metabolismo.

Uma dica de extrema importância é, NUNCA faça o uso de chás, principalmente das ervas medicinais, sem saber o qual a erva que você está tomando, ou se você possui alguma doença de base, ou se está fazendo o uso de algum medicamento no momento. Não faça o uso também se você não conhece a origem daquele produto.

No caso da pessoa fazer o uso contínuo de algum medicamento, é importante saber se esses medicamentos não fazem interações com as ervas escolhidas.

Bebês, crianças, gestantes, lactantes e Idosos, devem sempre questionar seu médico ou nutricionista, ante a possibilidade do uso dos chás (principalmente as ervas medicinais).

Importante também, não substituir o remédio que você está tomando por uma erva, seja ela medicinal ou não, sem a recomendação de seu médico.

Sempre que puder, converse com o seu médico e cientifique ele, do novo uso das ervas no seu tratamento, seja contínuo ou não, para evitar quaisquer efeitos colaterais.

Não sabe onde adquirir chás com excelente qualidade, ótimo custo benefício, e o melhor, sem sair da sua casa? Clique aqui e confira a nossa lista completa de chás e adquira já o seu.

Deixar Comentário
Loading...
Aguarde...
O produto foi adicionado a sacola.